Meu título
IAP Cursos Online
Carrinho (0)

Notícias atualize-se e recomende!

Saiu o edital do concurso da PRF com 500 vagas! 28/11/2018

Click aqui (Edital)

Acabou a espera. A Polícia
Rodoviária Federal finalmente divulgou o edital do concurso PRF 2018, um dos
mais aguardados para este ano. O documento traz a oferta de 500 vagas para a
carreira de policial rodoviário federal, que exige nível superior em qualquer
área. A banca organizadora é o Cebraspe, assim como foi no último concurso, em
2013.

Além da escolaridade, a
carreira de policial rodoviário federal exige carteira nacional de habilitação
(CNH) na categoria B ou superior, idade de 18 a 65 anos. Poderão concorrer
candidatos de ambos os sexos. A remuneração inicial do cargo é de R$9.931,57
(vencimento de R$9.473,57 + alimentação) em 2018 e passará para R$10.357,88 em
2019. Esses valores incluem o auxílio-alimentação de R$458.

Inscrições do concurso PRF
começam em 3 de dezembro O prazo de inscrições do concurso da PRF será entre
10h do dia 3 e 18h do dia 18 de dezembro, no site do Cebraspe. O candidato
deverá preencher o formulário com os principais dados no site da banca. Para
confirmar a participação será preciso quitar a taxa de R$150. O valor deverá
ser pago por meio do Guia de Recolhimento da União (GRU). Haverá a
possibilidade de isenção durante todo o período de inscrição.

Provas da PRF serão em
fevereiro

A prova objetiva e a prova
discursiva terão a duração de quatro horas e 30 minutos e serão aplicadas na
data provável de 3 de fevereiro de 2019, no turno da tarde. Os cartões de confirmação
contendo os locais e horários saem em 30 de janeiro. As provas escritas terão
caráter eliminatório e classificatório.

Serão cobradas 120 questões
no estilo Cesbraspe, com armações e devendo o candidato assinalar Certo ou
Errado, onde uma questão errada anulará uma certa.

As disciplinas cobradas
serão: Português; Raciocínio Lógico-Matemático; Informática; Noções de Física;
Ética no Serviço Público; Geopolítica Brasileira; Legislação de Trânsito;
Noções de Direito Administrativo; Noções de Direito Constitucional; Noções de
Direito Penal e de Processual Penal; Legislação Especial; Direitos Humanos e
Cidadania.

A prova objetiva será
dividida em três blocos de questões. O primeiro bloco terá 50 questões, o
segundo 40 e o terceiro 30. Cada questão da prova valerá um ponto. Para ser
considerado aprovado o candidato precisa obter nota maior ou igual a 10 pontos
no bloco 1, 12 no bloco 2, 6 no bloco 3, além de 48 na soma dos três blocos.

Os candidatos com nota
inferior será considerado eliminado. O gabarito preliminar da prova objetiva
está previsto para ser divulgado a partir das 19h do dia 4 de fevereiro, no
site do organizador. Já a prova discursiva será uma redação de texto
dissertativo, que valerá 20 pontos. Os candidato deverão elaborar um texto de
até 30 linhas. No entanto, serão corrigidas somente as redações dos candidatos
habilitados na prova objetiva.





















Fonte: folha dirigida